Os jogadores do São Paulo DC, Davy da Costa, Caio Lukjanenko, Júlio Gomes e Matias Geia, garantiram o primeiro lugar no sub-18

A equipe Sub-18 do São Paulo DC estreou em grande estilo, ou seja, vencendo a etapa inicial da Liga ANB3x3, realizada no SESC Parque Dom Pedro, na região central da cidade de São Paulo (SP), com 100% de aproveitamento. De acordo com Gustavo Bracco, manager da equipe mais atuando da modalidade nos cenários nacional e sul-americano, os garotos foram muito bem nesse importante torneio.

“A nossa equipe sub-18 estreou na Liga ANB praticamente definida, ainda estamos fazendo alguns ajustes, mas os atletas estão treinando diariamente e a evolução deles é nítida, pois estão trabalhando com atletas mais velhos, o que auxilia sobremaneira no desenvolvimento dentro da modalidade, que está sendo rápido”, comentou Bracco.

“Estamos muito satisfeitos com os jogadores, que disputaram três torneios este ano, um da Liga Nacional e outros dois extraoficiais, que ocorreram durante a pré-temporada, e venceram todos. Então, o nosso time sub-18 chegou para coroar este trabalho de base que estamos iniciando, já trazendo bons resultados e nos deixando animados para o restante da temporada”, complementou Gustavo.

Foram quatro vitórias ao longo da etapa inicial: na fase inicial, o São Paulo DC derrotou o Mogi 3×3 (13 a 07) e o P.G. Bulls Players (21 a 11). Na semifinal, novo êxito, desta vez contra o RW Basketball (18 a 05). Já na decisão, a equipe formada por Júlio Gomes, Matias Geia, Caio Lukjanenko e Davy da Costa derrotou o SP Lefts (21 a 11).

 

ADULTO

Já a equipe adulta do São Paulo DC ficou com a segunda colocação nesta mesma etapa. O time foi formado por Leo Branquinho, Jonatas Mello e Giovanni Pissioni – os jogadores Matheus Parcial, André Ferros e Luis Felipe de Paulo Silva estão integrados à Seleção Brasileira, que se prepara para o Pré-olímpico, e não atuaram.

Mesmo com três atletas, o time adulto fez grande papel na primeira etapa

Os resultados foram estes: São Paulo DC 21 x 08 Minas e São Paulo DC 17 x 21 Rio Preto Guarani (fase inicial); São Paulo DC 20 x 15 CHR SP (quartas-de-final) e São Paulo DC 18 x 11 Einstein ABT Limeira (semifinal). Na decisão, nova revés diante do experiente Rio Preto Guarani (19 a 16).

 

“Podemos considerar um saldo positivo da equipe adulta masculina, que jogou desfalcada, contando com três atletas. Com isso, o desgaste acabou sendo determinante”, completou Gustavo Bracco.

 

O São Paulo DC3x3, equipe filiada à Federação Paulista de Basketball (FPB), é apoiado pelo projeto Drible Certo no Mundo, aprovado junto a Lei de Incentivo ao Esporte da Secretaria de Esportes do Governo do Estado de São Paulo. Projeto patrocinado pela Havan e Decathlon Brasil. Apoios: Naturiza, NAR – Núcleo de Alto Rendimento, Uniformes Overtime, Meias Elite e Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal – APCEF. Realização: B16 Incentivo e Instituto Futuros Craques.

Fotos: Bruno Medino/SPDC