Grupo Zumb.boys apresenta Mané Boneco na Fonte dos Desejos, no Vale do Anhangabaú. Um momento de encontro com a beleza e a simplicidade do brincar através da dança, dialogando com a rotina da cidade.

Grupo Zumb.boys participa do evento Dançando na Fonte do Centro de Referência da Dança

Na próxima quinta-feira, dia 23 de janeiro de 2020, às 17h30, o Grupo Zumb.boys – grupo que tem como base de sua pesquisa as danças urbanas – realiza uma apresentação especial de seu mais recente trabalho “Mané Boneco”, no evento Dançando na Fonte, organizado pelo Centro de Referência da Dança da Cidade de São Paulo (CRDSP).

A apresentação acontece na Fonte dos Desejos, que fica no Baixos do Viaduto do Chá, no Vale do Anhangabaú – São Paulo – SP e faz parte das ações do Projeto Rastro, contemplado na 26ª Edição do Programa Municipal de Fomento à Dança.

Mané Boneco é um projeto que dialoga com a beleza e a simplicidade do brincar, tendo como inspiração “Mané gostoso”, boneco brasileiro encontrado em feiras nordestinas, que fez e faz parte da infância de muitas pessoas.

Uma das propostas de Mané Boneco é que seja gostoso de assistir, da mesma maneira que nos divertimos ao brincar, livres de julgamentos, abertos a viver o encontro. E para que este espaço de encontro se estabeleça, foram criados códigos simples e de fácil reconhecimento, para que as pessoas se sintam à vontade em fazer parte do que está sendo apresentado.

Com este trabalho o grupo criou o termo “Uma dança que faz convites”. A platéia é convidada a um momento de brincadeiras e histórias construídas corporalmente.

O Grupo Zumb.boys foi criado em 2003 na periferia de São Paulo, com bailarinos que possuem diferentes históricos na dança contemporânea, participando do processo criativo de importantes companhias.

Em 2016, recebeu o Prêmio Denilto Gomes 2016, da Cooperativa Paulista de Dança, nas categorias Produção em Dança e Melhor Designer de Luz, com o O que se Rouba. Dança por Correio foi eleito Melhor Espetáculo (Não Estreia) pela APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes.

Em 2017, foi novamente indicado ao Prêmio APCA na categoria Melhor Espetáculo, com O que se Rouba e vencedor na categoria Melhor Intervenção Urbana do Prêmio Denilto Gomes 2017, pelo projeto Mané Boneco.

Contemplado com o projeto Rastro na 26ª Edição do Programa Municipal de Fomento à Dança, o grupo dá continuidade à sua pesquisa, explorando novas possibilidades de criação e produção em dança.

Conheça o trabalho deste grupo que segue buscando caminhos para visibilidade/protagonismo periférico e das culturas marginais. Mais informações em:  www.facebook.com/grupozumbboys  e www.instagram.com/zumb.boys

Ficha  técnica

Direção: Márcio Greyk de Lima Ferreira |Dançarinos: Danilo Rodrigo Ferreira Nonato, David Castro Serra, Ednelson da Silva Guedes, Eriki Hideki, Igor Wilson de Souza, Márcio Greyk de Lima Ferreira |Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini |Produção: Júnior Cecon | Assistente de Produção: Márcia Ferreira

Mané Boneco

Inspirado no boneco brasileiro “Mané gostoso”, feito de madeira com pernas e braços articulados, movimentados por cordões, ao ser tracionados por duas madeiras que os sustentam. Uma intervenção que se estabelece através de um corpo virtuoso, brincalhão e articulado, que a todo momento deseja dialogar com as pessoas valorizando cada instante vivido, compartilhando momentos, brincadeiras e histórias construídas corporalmente.

Duração – 40 minutos – Entrada Grátis – Classificação Livre

Quando: 23 de janeiro de 2020 (Quinta-feira) – Horário: 17h30

Onde:  CRDSP – Centro de Referência da Dança da Cidade de São Paulo – Dançando na Fonte

Endereço: Baixos do Viaduto do Chá s/n – Centro / Anhangabaú – São Paulo – SP