Do site Segurança Pública SSP

Os equipamentos utilizados no estabelecimento, que não era credenciado, foram apreendidos

A Polícia Civil deteve por estelionato, na manhã de segunda-feira (30), uma mulher que realizava a recarga de cartões do Bilhete Único sem credenciamento. A ação foi no bairro Cachoeirinha, zona norte de São Paulo.

Após uma denúncia, agentes do 39° Distrito Policial (Vila Gustavo) foram até um comércio, na Avenida Maria Antonia Martins, onde encontraram, logo na entrada, um pequeno balcão de aço revestido com plástico amarelo e um banner anunciando que o local fazia recargas do bilhete.

Debaixo do plástico que cobria o balcão, foram achados um notebook com um pen drive e uma impressora acoplados. Um caderno com anotações e vários cupons de verificação de crédito também foram encontrados.

Todos os equipamentos foram apreendidos, assim como R$ 11,50 referentes aos créditos vendidos até a chegada da equipe. A jovem de 19 anos, que estava no local no momento das diligências, foi levada até a delegacia.

Um fiscal da SPTrans foi acionado e constatou que o estabelecimento não era credenciado. Ele contou, ainda, que o sistema poderia ter sido hackeado.

Os objetos usados na fraude foram encaminhados para perícia. A mulher foi presa em flagrante pelo crime de estelionato.

Bruno Vinicius da Silv